a
Philipe Cardoso Sociedade Individual de Advocacia
CNPJ. 24.723.912/0001-50

Facebook

Twitter

Cardoso & Advogados Associados 2020
Todos os direitos reservados.

9:00 - 18:00

Funcionamento Seg. - Sex.

(21) 3189-6625

(21) 9.8189-6625

WhatsApp

LinkedIn

Facebook

Instagram

Search
Menu
 

Bom momento no campo precisa ser “abstraído” na reforma tributária, diz Tereza Cristina

Cardoso & Advogados Associados > Blog Cadv  > Artigos Jurídicos  > Legislação  > Bom momento no campo precisa ser “abstraído” na reforma tributária, diz Tereza Cristina

Bom momento no campo precisa ser “abstraído” na reforma tributária, diz Tereza Cristina



Cenário atípico de rentabilidade e preços recordes não pode ser utilizado para imputar mais custos aos produtores rurais, disse ministra A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, afirmou neste sábado que o bom momento vivido no campo precisa ser “abstraído” na análise da reforma tributária para não imputar mais custos aos produtores rurais. Segundo ela, uma série de fatores internos e externos influenciaram para o cenário “atípico” de rentabilidade e preços recordes, o que não pode motivar um aumento de impostos ao setor.

“Na agropecuária, temos que abstrair o momento que estamos vivendo. A reforma tributária é para muito tempo, não podemos olhar o panorama hoje, temos que pensar no negócio e segmentos que queremos mexer”, disse durante evento online com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Marcelo Camargo/Agência Brasil

De acordo com a ministra, a pandemia, o aumento da compra de alimentos e, principalmente, o câmbio favoreceram o “momento atípico” no campo. Ela ponderou que essas variáveis também vão gerar aumento do custo de produção na safra plantada agora.

O presidente da CNA, João Martins, disse que qualquer taxação extra vai gerar perda de competitividade ao setor agropecuário. A preocupação é com a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 45, em análise na Câmara dos Deputados. “Não é bem verdade que os produtores estão se empanturrando de dinheiro. Alguns estão, mas por cenário fictício de desvalorização cambial”, disse. “Não é por estar ganhando dinheiro que o agronegócio tem que ser tributado. O cenário não é real, é criado pela desvalorização cambial”, afirmou.


Source link

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

whatsapp
Eu sou o Dr. Philipe Cardoso CLICK AQUI E ME DIGA COMO POSSO AJUDAR!
NA REDE