a
Philipe Cardoso Sociedade Individual de Advocacia
CNPJ. 24.723.912/0001-50

Facebook

Twitter

Cardoso & Advogados Associados 2020
Todos os direitos reservados.

9:00 - 18:00

Funcionamento Seg. - Sex.

(21) 3189-6625

(21) 9.8189-6625

WhatsApp

LinkedIn

Facebook

Instagram

Search
Menu
 

Podemos vai expulsar senadora por apoio à reeleição de Alcolumbre

Cardoso & Advogados Associados > Blog Cadv  > Artigos Jurídicos  > Legislação  > Podemos vai expulsar senadora por apoio à reeleição de Alcolumbre

Podemos vai expulsar senadora por apoio à reeleição de Alcolumbre



Rose de Freitas (ES) reuniu assinaturas e apresentou uma PEC para mudar a regra e permitir que o atual presidente do Senado permaneça mais dois anos no cargo O Podemos abriu um processo interno para expulsar do partido a senadora Rose de Freitas (ES). O motivo é a divergência em torno da possibilidade de reeleição de Davi Alcolumbre (DEM-AP) como presidente do Senado.

Enquanto o Podemos é radicalmente contra, a senadora não apenas apoia Alcolumbre, como reuniu assinaturas e apresentou uma proposta de emenda constitucional (PEC) para mudar a regra e permitir que ele permaneça mais dois anos à frente do Poder Legislativo. Hoje é proibido que um parlamentar fique por mais de dois anos, dentro de uma mesma legislatura, nas presidências da Câmara ou do Senado.
A senadora Rose de Freitas (ES) se mobilizou pela reeleição de Alcolumbre à presidência do Senado
Agência Senado

O líder do Podemos, Alvaro Dias, comunicou que a sigla fechou questão contra qualquer manobra que permita a reeleição de Alcolumbre ou Rodrigo Maia (DEM-AP), presidente da Câmara. Dias é um dos postulantes à sucessão no comando do Senado. Mas é sabido nos bastidores da casa que, se a reeleição foi liberada, Alcolumbre é desde já franco favorito, podendo alcançar entre 55 e 60 votos dos 81 senadores.

O governo apoia a empreitada em favor de Alcolumbre. Os dois líderes governistas na Casa, Fernando Bezerra Coelho (líder do Senado, MDB-PE) e Eduardo Gomes (líder no Congresso, MDB-TO) foram inclusive signatários da PEC apresentada por Rose.

Uma possibilidade para a senadora é retornar ao MDB, onde fez a maior parte da sua trajetória política e de onde saiu em 2018 para ingressar no Podemos.

Os pedidos de expulsão da parlamentar foram protocolados pela deputada Patrícia Ferraz e pelo vereador Negrão, candidatos do Podemos respectivamente às prefeituras de Macapá (AP) e Itápolis (SP). Nos pedidos, eles alegam que a senadora confrontou a diretriz do partido.

05/09/2020 16:49:17


Source link

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

whatsapp
Eu sou o Dr. Philipe Cardoso CLICK AQUI E ME DIGA COMO POSSO AJUDAR!
NA REDE